Blog

A INA Group, maior empresa petrolífera na Croácia, foi alvo de um ataque de ransomware, que encriptou alguns dos seus servidores.

Este ataque não afetou o abastecimento de combustível por parte dos consumidores, mas sim a capacidade da empresa de emitir faturas, registrar o uso de cartões de fidelidade, emitir novos vouchers, emitir novas vinhetas eletrônicas e permitir que os clientes paguem contas de serviços públicos de gás (dos quais a INA Group também é fornecedora).

A The Heritage Company, empresa de telemarketing sediada nos EUA, deixou 300 pessoas desempregadas após não conseguir recuperar de um ataque de ransomware, que aconteceu no início de outubro de 2019.

CyrusOne, um dos maiores fornecedores de data centers nos Estados Unidos da América, foi infetado pelo ransomware REvil (Sodinokibi).

A Everis, empresa multinacional de consultoria de IT, sofreu ontem um ataque de ransomware que forçou a empresa a desconectar a sua rede da internet e desligar todos os seus computadores.

Dez hospitais, 3 nos Estados Unidos da América e 7 na Australia, sofreram um ataque de ransomware esta semana que está a afetar a sua capacidade de aceitar novos pacientes e de efetuar cirurgias.

Hackers estão a usar uma vulnerabilidade crítica (CVE-2019-2725) recentemente resolvida, que afeta o Oracle WebLogic, para espalhar o ransomware Sodinokibi (variante do botnet Muhstik).